“Esses governantes não têm vergonha na cara, ficam pisando no povo”, diz professor de Ibirajá durante manifestação da APLB

Por: Água Preta News
17/04/2018 - 23:27:03

Por: Edelvânio Pinheiro

Durante a manifestação da APLB (Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Bahia) sobre a greve dos professores de Itanhém, na manhã desta quarta-feira (28), no distrito de Ibirajá, um professor que participou do ato público na Praça da Matriz, fez duras críticas à administração da prefeita Zulma Pinheiro.

Inicialmente Alan Johny Fróes criticou a falta de planejamento da administração e a falta de capacitação dos profissionais da educação.

“Já tem mais de um ano desta administração e a gente não ver nenhum projeto, nada se concretizando, nenhum planejamento, nenhuma capacitação”, disse.

O professor defendeu o fortalecimento da categoria na luta pelos seus direitos e foi duro com a administração municipal.

“Vim aqui para fortalecer ainda mais este grupo, porque a gente não pode se omitir diante da situação que está acontecendo em nosso município”, destacou. “Esses governantes que não têm caráter, que não têm vergonha na cara, ficam pisando no povo, pisando na classe, querendo tirar os nossos direitos, não nos dando nada de benefício”, acrescentou.

Alan Johny disse que os trabalhadores da educação não podem ser omissos.

“Nós não podemos ser omissos diante disso, a gente tem que se reunir, que levantar nossas vozes para poder reclamar nossos direitos e, se fizer uma reunião e eles não nos ouvirem, faremos outra, se não nos ouvir novamente, faremos outra, até a nossa voz ser ouvida, até nossa voz chegar aos ouvidos daqueles que vão poder fazer alguma coisa pela classe”, finalizou.

 

PUBLICIDADE

Últimas Notícias



PUBLICIDADE

Copyright © 2003 / 2019 - Todos os direitos reservados
NossaCara.com é propriedade da empresa Brito Santos Comunicações e Publicidades Ltda.
Fones: (73) 9 9111-2313 / (73) 9 8158 2860