PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Assine nosso Feeds Comunidade no Orkut Siga-nos no Twitter Visite nosso Facebook Definir como página inicial Assine nossa newsletter
Sul da Bahia, 02 de Outubro de 2014
 
Agronegócio | Arte | Cursos e Concursos | Educação | Esporte e Cultura | Geral | Internacional | Lazer e Turismo | Meio Ambiente | Polícia | Política | Saúde | Tecnologia |

Banco do Nordeste e Pronaf, uma parceria de sucesso no Extremo Sul
Por: NossaCara.com - Data: 23/06/2006 - 16:29:00

Criado para apoiar e desenvolver o pequeno agricultor, o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) do Governo Federal conta na Região Nordeste além do norte de Minas Gerais e Espírito Santo com a parceria do Banco do Nordeste (BNB). No Extremo Sul da Bahia, especialmente os municípios da micro-região de Eunápolis estão sendo beneficiados através do trabalho conjunto do BNB, órgãos de pesquisa e fomento à agricultura e também prefeituras. “A idéia é desenvolver as vocações agrícolas de cada região, para isso otimizar os recursos através de entidades como Fetag, EBDA ou Ceplac, que já atuam na região é imprescindível” detalha José Gomes, agente de desenvolvimento da agência de Eunápolis.

    
São atendidos pelo BNB e Pronaf assentados, associações de produtores e pequenos agricultores. A agência de Eunápolis é responsável pela 8ª Região que compreende os municípios de Porto Seguro, Itabela, Santa Cruz de Cabrália, Belmonte, Itapebí, Itagimirim, Guaratinga e Eunápolis. Produção de mandioca, apicultura, fruticultura, piscicultura e pecuária são algumas das atividades apoiadas pelo Banco na região.

   
Uma outra parceria fundamental é com as Prefeituras, principalmente através da implantação de um Grupo Gestor de Agricultura no município, o que aconteceu até agora apenas em Santa Cruz de Cabrália, Porto Seguro, Eunápolis e Guaratinga. Nesta última o trabalho conjunto rendeu a construção de uma casa de farinha no assentamento de Lajedo Bonito. A produção é de 150 sacas de farinha que já estão sendo comercializadas em supermercados da região.

   
Outro caso de sucesso é Itapebí. A agricultura é uma das prioridades da Prefeitura. “A ação das prefeituras possibilita visitas de campo por técnicos, informação e motivação dos agricultores que nem sempre conhecem o projeto de financiamento e essas ações estão acontecendo em Itabepí” informa Yuri Chaves, gerente geral do BNB
em Eunápolis. Desde o ano passado são 95 família atendidas. Cultura do maracujá, recuperação do cacau e pecuária de leite são as principais frentes de ação.

   
“É importante lembrar que o Banco é apenas o agente financeiro, nós não podemos sair oferecendo dinheiro, é preciso um estudo logístico da aplicação do financiamento, é onde entra as prefeituras e órgãos como a Ceplac” detalha o gerente. Para este ano, o Banco pretende injetar na região R$ 5 milhões. Mais de 200 famílias de assentamentos em Eunápolis, Guaratinga e Itabela estão entre os beneficiadas.

   
Os financiamentos do Pronaf podem chegar até a R$ 18 mil com carência de até cinco anos. Para receber o financiamento o interressado deverá receber uma visita técnica e atender uma série de exigências. Segundo Yuri Chaves o maior adversário do Pronaf na região é o desvio de crédito. Por isso os investimentos são ainda fiscalizados pelo Banco e pelas entidades que prestam apoio técnico.  

   
Uma vocação natural

   
O cultivo da mandioca sempre foi uma prática comum na região. O principal produto da raiz é a farinha. “A farinha consumida em Eunápolis hoje vem de Nazaré das Farinhas, muito pouco do que é consumido é produzido aqui” informa Gomes. A principal questão a ser resolvida é o volume da produção. Somente na 8ª Região são cinco mil hectares plantados. O problema é a enorme variedade de espécies cultivadas. Parcerias com a Embrapa estão possibilitando o acesso à mudas selecionadas.

   
Outra preocupação é com a qualidade. “Estamos trabalhando para criar um selo de qualidade para os produtos agrícolas da região junto a Secretaria de Saúde do Estado e a Vigilância Sanitária” detalha o agente.

   
Produtores de farinha do Ponto Maneca, zona rural de Eunápolis, produzem atualmente cinco mil sacas de farinha por mês. Esse volume só foi possível graças ao financiamento do BNB e a organização dos produtores através de uma associação. Mesmo assim a maior parte da farinha ainda é vendida nas feiras-livres da região o que deve mudar em pouco tempo. “Os supermercados ainda não compram a farinha pela falta de empacotamento, o produto acaba caindo nas mãos de atravessadores, mas a associação em breve passará também a empacotar, conquistando mais um espaço no mercado” resume Gomes.

   
A produção de farinha é o grande objetivo, mas outros subprodutos da mandioca também poderão gerar mais renda aos agricultores como o beiju e o polvilho. Febre no verão em capitais como o Rio de Janeiro, o beiju é sucesso garantindo, desde o mais tradicional às misturas inusitadas como tapioca, queijo catupiry e mel.

Banco do Nordeste

   
Criado em 1952 através de Lei Federal (nº 1649, de 19 de julho de 1952) o Banco do Nordeste atente 1.985 municípios na Região Nordeste e norte de Minas Gerais e Espírito Santos. Com sede na cidade de Fortaleza o BNB é a maior instituição da América do Sul voltada para o desenvolvimento regional. Além da agricultura familiar o BNB atua nas áreas de turismo, cultura, comércio e agricultura tradicional através de financiamentos e capacitação.

   
As parcerias fazem parte do trabalho da empresa que opera como um órgão executor de políticas públicas. Algumas das ações do BNB são o CrediAmigo, segundo maior programa de microcrédito da América Latina, através dele o Banco já emprestou mais de R$ 1,5 bilhão a microempreendedores e o Programa de Desenvolvimento do Turismo no Nordeste (Prodetur/NE), criado para estruturar o turismo da região com recursos da ordem de US$ 800 milhões.

A foto da Agência Banco do Nordeste de Eunápolis é de autoria de Urbino Brito, as outras são do arquivo do Sebrae
 

Fonte/Autor: Luciana Oliveira

Comentários
PARCEIROS:

Copyright © 2004 - 2014 NossaCara.com - Todos os direitos reservados

Página Inicial                Vídeos                Eventos                Colunistas                Notícias

Agronegócio | Arte | Cursos e Concursos | Educação | Esporte e Cultura | Geral | Internacional | Lazer e Turismo | Meio Ambiente | Polícia | Política | Saúde | Tecnologia |

Nossa Cara.com é propriedade da empresa Brito Santos Comunicações e Publicidades Ltda.
Fones: (73) 3261-2961 - Celular: (73) 9111-2313 / (73) 8158 2860